RYANAIR SUSPENDE TODOS OS VOOS DE ITÁLIA ATÉ 8 ABRIL DEPOIS DO GOVERNO ITALIANO ANUNCIAR RESTRIÇÕES DE VIAGENS EM TODO O PAÍS

10 Mar 2020

Lisboa, 10 de março de 2020. Ryanair anunciou hoje (terça-feira, 10 de março) a suspensão da programação completa de voos de/para Itália, e dentro do território italiano, depois do Governo italiano restringir as viagens em todo o país para conter a propagação do Covid-19.

Estes cortes adicionais na programação serão implementados da seguinte forma:

  1. Desde as 24.00 de 11 Março até às 24:00 de 8 Abril, todos os voos domésticos da Ryanair dentro do território italiano serão cancelados.
  2. A partir das 24:00 de 13 Março até às 24.00 de 8 de Abril, todos os voos internacionais de/para Itália serão cancelados.

 

Todos os passageiros afectados pelos cancelamentos de voos foram notificados por e-mail. Os passageiros que necessitam regressar aos seus países poderão solicitar uma alteração gratuita para um dos voos Ryanair programados até às 24.00 de 13 de março. Os passageiros afectados poderão optar por um reembolso total ou um crédito de viagem que poderá ser utilizado nos próximos 12 meses em voos da Ryanair.

A Ryanair continua a cumprir integralmente as directrizes governamentais e da OMS, além das restrições de viagem. A situação muda diariamente, todos os passageiros afectados por restrições de viagem ou cancelamentos estão a ser notificados por e-mail e estão a receber transferências de voos, reembolsos totais ou créditos de viagem.

A Ryanair lamenta as interrupções na sua programação, provocadas por restrições governamentais e pela decisão do Governo italiano de restringir as viagens em todo o país para conter a propagação do Covid-19.